Sou a mulher preocupada em salvá-los

Meus filhos, estou na Terra, pela graça de Deus, para guiá-los ao Céu. Desejo ser para vocês o amparo até que este tempo termine, quando então, descansada pelo trabalho concluído, poderei abraçá-los e entregá-los ao Criador como um troféu duramente conquistado nesta batalha contra o Diabo.

26 de outubro de 1993

Versão áudio

Caríssimos,

Acompanho passo a passo, com muito amor, o desenrolar de minhas mensagens, que num crescendo vêm aos poucos colocando-os por meio da minha assistência em contato com as riquezas do espírito. Vocês acharão sentido no que lhes transmito se refletirem sobre tudo isso com o coração voltado ao que ensina o Evangelho, colocado em prática, e amparados na Eucaristia. Minhas palavras se perderão, misturadas a outras cujo propósito é confundi-los, se isso não for observado com atenção.

Vocês são para a minha Obra como a pequenina semente de mostarda que com muito carinho conservo em terra fértil, regada com o sangue precioso do meu querido Jesus. Esta sementinha tão pequena, mas preciosa, dentro em breve estará germinando, crescendo e dando outras sementes para que, semeadas em locais diferentes pela sua origem, produza uma linhagem capaz de enfrentar os tempos que se aproximam e possa defender a Igreja onde ela demonstra maior fragilidade: a modernização distanciada do que ensina Jesus. Eu os preparo para novos tempos. Ouçam-me e façam-se apóstolos desta era que chega ao fim. Coloquem agora seus corações em consonância com o Céu e meditem comigo.

Primeiro Mistério

Deixem Jesus tomar vida na vida de vocês. Façam dela uma ressurreição diária. Ressuscitem os valores cristãos esquecidos; são joias preciosas condenadas ao esquecimento pelo progresso sem Deus. Ressuscitem o amor, a fé simples sem rebuscamentos, a singeleza da criança que cada um de vocês traz escondida em algum lugar do coração, e gritem sem medo: “Meu Deus, eu acredito no teu amor e te tenho como Pai; o Senhor é minha força e meu auxílio”.

Segundo Mistério

Sejam leves como a pluma levada pelo vento, para que flutuem num êxtase de amor e, envolvidos pelo costume da oração sincera, possam perceber que Deus é real e está ao lado de vocês desejando ser reconhecido em tudo que os envolve. A humanidade cada vez mais materializada caminha no sentido inverso ao Céu, numa procura infrutífera, no inferno do desamor e da violência, de um bálsamo às suas dores. Olhem para o alto, para o infinito, para a luz, lá reside a esperança e seu nome é Jesus.

Terceiro Mistério

O elo do amor de Deus para com a humanidade se completa no discernimento proveniente do sopro do Espírito Santo na vida de cada um de vocês. Saber distinguir entre o bem e o mal e ter forças para conduzir as suas vidas no sentido contrário à desordem moral é uma centelha do Espírito de Deus, manifestado pela graça de sua misericórdia em ajudá-los. Sintam o Pentecostes incendiando seus corações para que, purificados por este calor, possam levar a verdade em todo o seu esplendor por todos os confins da Terra. Rezem pela Igreja e ofereçam-se como voluntários nestes tempos difíceis em que a barca de Pedro, varrida pelo vento contrário, continua sua viagem ao encontro de Jesus, sem vacilar naquilo que defende como princípios cristãos a serem observados sem condicionamento.

Quarto Mistério

Meus filhos, estou na Terra, pela graça de Deus, para guiá-los ao Céu. Desejo ser para vocês o amparo até que este tempo termine, quando então, descansada pelo trabalho concluído, poderei abraçá-los e entregá-los ao Criador como um troféu duramente conquistado nesta batalha contra o Diabo. Não me desapontem. Lutem pela minha vitória. Ela será a vitória de vocês.

Quinto Mistério

Sou a Serva do Senhor na obediência e no respeito às suas leis. Sou a Mãe aflita a guiá-los nesta Obra Redentora. Sou aquela que não dorme nem descansa, vendo-os à mercê da perdição eterna. Sou a mão que os afaga no sofrimento. Sou a imagem refletida na lágrima que corre em suas faces nas horas difíceis. Sou a voz que os leva a reconhecer na Providência Divina o caminho seguro ao equilíbrio em Deus. Sou a mulher preocupada em salvá-los.

Obrigada por terem atendido ao meu chamado.

Referência: LOPES, Raymundo. Sou a mulher preocupada em salvá-los. In: LEMBI, Francisco (Org.). Uma voz que fala aos meus ouvidos. 2. ed. Belo Horizonte: Magnificat, 2006. p. 63. 

cabeça de Jesus

Sobre a cabeça de Jesus pesam os pecados da humanidade

outubro 19, 1993

Deus é a fonte da vida

novembro 2, 1993

Os comentários estão fechados.

© 2020 Obra Missionária. Todos os direitos reservados